Total de visualizações de página

domingo, 26 de julho de 2015

"Nise da Silveira utilizou animais na terapia de pacientes internos. 
Ela percebeu a facilidade com que esquizofrênicos se vinculavam a cães. 
Em seu trabalho pioneiro com essas pessoas, a médica desenvolveu o conceito de afeto catalisador. Ela parte da ideia de que é importante que o paciente conte 
com a presença não invasiva de um co-terapeuta que permaneça com o paciente, funcionando como ponto de apoio seguro a partir do qual o doente possa se organizar psiquicamente. Silveira afirma que animais são 'excelentes catalisadores: Eles reúnem qualidades que os fazem muito aptos a tornar-se ponto de referência estável no mundo externo', facilitando a retomada de contato com a realidade' ".

- Mente e Cérebro (Fevereiro/2007) 




Nenhum comentário:

Postar um comentário