Total de visualizações de página

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

"Algumas pessoas se destacam para nós. Não há argumento capaz de nos fazer entender exatamente como isso acontece. Porque dançam conosco com mais leveza nessa coreografia bela, e tantas vezes atrapalhada, dos encontros humanos.

Muitas vezes tentamos explicar, em vão, a medida do nosso bem-querer. A doçura de que é feito o olhar que lhes dirigimos. O sentimento que nos move para ajudá-las a despertar um único sorriso. Não importa quando as encontramos no nosso caminho. Parece que estão na nossa vida desde sempre e que mesmo depois dela permanecerão conosco.

 É tão rico compartilhar a jornada com elas que nos surpreende lembrar de que houve um tempo em que ainda não sabíamos que existiam. É até possível que tenhamos sentido saudade mesmo antes de conhecê-las. O que sentimos vibra além dos papéis, das afinidades, da roupa de gente que usam. Transcende a forma. Remete à essência. Toca o que a gente não vê. O que não passa. O que é. 

 Por elas nos sentimos capazes das belezas mais inéditas. Se estão felizes, é como se a festa fosse nossa. Se estão em perigo, o aperto é nosso também. Com elas, o coração da gente descansa. Nós nos sentimos em casa, descalços, vestidos de nós mesmos. O afeto flui com facilidade rara. Somos aceitos, amados, bem-vindos, quando o tempo é de sol e quando o tempo é de chuva. 

Na expressão das nossas virtudes e na revelação das nossas limitações. Com elas, experimentamos mais nitidamente a dádiva da troca nesse longo caminho de aprendizado do amor. Quando o encontro a dois é bom e tem lume, não tem porta de saída, todas as portas são dentro do coração..." 

 - Ana Jácomo 

 Que em 2013 sejamos dessas pessoas ... e encontremos muitas delas pelo caminho!

domingo, 30 de dezembro de 2012

"Alguns problemas não passam de probleminhas quando olhados sob a perspectiva do vasto mar, incomensurável mar, que nós somos. E das ondas todas que já encaramos." 

 — Ana Jácomo


sábado, 29 de dezembro de 2012

"Prepare surpresas. Borde delicadezas no tecido às vezes áspero das horas. Reinaugure gestos de companheirismo. Mas, não deixe para depois. Depois é um tempo sempre duvidoso. Depois é distante daqui.”

 - Ana Jácomo


sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

"Já tentei me entender, é claro que sim. Mas vivo me surpreendendo (posso?) comigo. Muitas vezes, penso que não vou suportar, e suporto. Em outras situações, penso que vou conseguir, mas minhas pernas falham e caio no chão. Me desafio, diariamente. Até onde você chega? Vamos lá, mostra para mim quem é você, até onde você é capaz de seguir em frente. E me supero, de um jeito ou de outro, na marra e na garra, diariamente. "

 - CLARISSA CORRÊA


quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

"Confie na vida e siga em frente. O mal só existe quando damos poder a ele. 
 E nós, somos do tamanho que queremos ser." 

 - Marla de Queiroz


quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

"A vida me ensinou: as sementes da Felicidade sou eu mesmo quem devo plantar." 

 - Erick Tozzo

terça-feira, 25 de dezembro de 2012



Que o olhar sobre menino Jesus faça nascer novamente no coração de cada um de nós: 
 A INOCÊNCIA Para sabermos ser transparentes; 
O CARINHO Para cativarmos novos amigos;
   A GRATIDÃO Para valorizarmos a vida em plenitude;   
O PERDÃO Para reconciliarmo-nos no amor;
   A COMPREENSÃO para sabermos perdoar;   
O ENCANTAMENTO Para apaixonarmo-nos pela busca de felicidade;
   A SABEDORIA para respeitarmos os pontos de vista do outro;
   A SOLIDARIEDADE Para aprendermos juntos a construir caminhos;
  A FÉ Para acreditarmos também no outro;
   A PAZ Para ajudarmos a construir sempre;   
A CORAGEM Para sabermos retomar nossos sonhos;  
 A VONTADE DE AMAR Para sermos felizes

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Natal somos nós

Natal somos nós quando decidimos nascer de novo, a cada dia, nos transformando. 
 Somos o pinheiro de natal quando resistimos vigorosamente aos tropeços da caminhada. 
 Somos luzes do natal quando simplificamos e damos soluções. 
 Somos os anjos do natal quando cantamos ao mundo o amor, a alegria e a esperança. 
 Somos as velas do natal quando distribuímos harmonia por onde passamos. 
Somos Papai Noel quando criamos lindos sonhos nas mentes infantis. 
 Somos os presentes de natal quando somos verdadeiros amigos para todos. 
 Somos cartões de natal quando a bondade está escrita em nossas mãos. 
 Somos sim, a Noite Feliz do Natal, quando humildemente e conscientemente, mesmo sem símbolos e aparatos, sorrimos com confiança e ternura na contemplação interior de um natal perene que estabelece seu lugar em nós, ao lado das pessoas que amamos, ainda que seja em pensamento. 

 Feliz Natal!

domingo, 23 de dezembro de 2012

"Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade, desfrutar desse amor absolutamente sem fraudes, nunca será perda de tempo. O essencial faz a vida valer a pena." 

 - Rubem Alves

sábado, 22 de dezembro de 2012

"E mesmo se eu tivesse mais uma chance, eu não voltaria atrás. Eu fiz o que tinha que fazer, quando tinha que fazer. Hoje, meu tempo é outro, minhas escolhas são outras. E meus sorrisos também. Mas confesso: eu tinha a impressão que a minha vida fosse parar naquele momento, mas não. A vida seguiu. E eu tive que continuar junto com ela. Eu fui ser feliz. Junto dela." 

 - Bibiana Benites

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

“Sempre que me perguntavam como eu gostaria de ser lembrado, respondia: com um sorriso.” 

 - Paul McCartney

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

"Na fé, me apresso na prece e peço: Cuida de mim, meu Deus? 
E livra-me de tudo o que fecha o coração, que trava o riso e que atrasa o passo. Protege-me do azedo da vida, das pessoas amargas, das más emoções e da dureza dos corações. Ensina-me a amar ao próximo com a mesma intensidade que me amo e não mais que a mim mesma. Ilumina-me em minha profundidade, nas minhas decisões e nos caminhos por onde me busco. 
Pois são nos traços tortos das linhas da vida, que em Deus me endireito." 

 - Gabriela Castro

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

“Sabe, uma coisa mínima pode mudar sua vida. Num piscar de olhos alguma coisa acontece do nada, quando você menos espera e te coloca num caminho que você nunca planejou e um futuro que você nunca imaginou. Para onde ele vai te levar? É a jornada das nossas vidas, nossa busca pela luz. Mas, às vezes, para encontrar a luz você tem que passar pela mais profunda escuridão. Pelo menos, foi o que aconteceu comigo”´

  - Um Homem de Sorte

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

"Eu sou lúcida na minha loucura, permanente na minha inconstância, inquieta na minha comodidade. Amo mais do que posso e, por medo, sempre menos do que sou capaz... Quando me entrego, me atiro e quando recuo não volto mais."

- Martha Medeiros

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

"Tudo tem um propósito, até as máquinas. Os relógios dizem as horas, os trens levam a lugares...Talvez seja assim com as pessoas. Perder o nosso propósito é como estar quebrado... "

-  A invenção de Hugo Cabret

domingo, 16 de dezembro de 2012

" Cada escolha, por menor que seja, é uma forma de semente que lançamos sobre o canteiro que somos. Um dia, tudo o que agora silenciosamente plantamos, ou deixamos plantar em nós, será plantação que poderá ser vista de longe..." 

- Padre Fábio de Melo



sábado, 15 de dezembro de 2012

“Sou composta por urgências: minhas alegrias são intensas; minhas tristezas absolutas. Me entupo de ausências, me esvazio de excessos. Eu não caibo no estreito, eu só vivo nos extremos.” 

 - Clarice Lispector


sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

"O correr da vida embrulha tudo, a vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem, é ver a gente aprendendo a ser capaz de ficar alegre a mais, no meio da alegria, e inda mais alegre no meio da tristeza! Só assim de repente, na horinha em que se quer, de propósito – por coragem. Será? Era o que eu às vezes achava. Ao clarear do dia. "

 - João Guimarães Rosa

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

"Bom mesmo é encontrar com aquelas pessoas que abraçam leve mesmo com mil pesos nas costas e sorriem assim, como se a vida nem aprontasse tanto. Melhor ainda é encontrar esse alguém dentro de si." 

 — Camila Costa

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

"Li uma vez que você vive não sei quantas mil horas e pode resumir tudo de bom em apenas cinco minutos. O resto é apenas o dia-a-dia. Um olhar, uma lágrima que cai, um abraço… Isso é muito pouco na vida. Então, isso vale mais que tudo para mim. "

 — Cazuza

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

"Sempre me sinto feliz, sabes por que? Porque não espero nada de ninguém. Esperar sempre dói. Os problemas não são eternos, sempre têm solução. O único que não se resolve é a morte. A vida é curta, por isso, ame-a! Viva intensamente e recorde: Antes de falar... Escute! Antes de escrever... Pense! Antes de criticar... Examina-te! Antes de ferir... Sente! Antes de orar... Perdoe! Antes de gastar... Ganhe! Antes de render-te... Tente de novo! Antes de morrer ... VIVA!!!"

 - Shakespeare


segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

"A vida é mesmo um não-saber absoluto e imenso, como uma folha em branco. Mas, eu prefiro imaginá-la como um grande tapete vermelho estendido a minha frente, me oferecendo possibilidades, me convidando a fazer história, me dando rumo, prumo e jeito. Eu sinto como se a cada passo, algo extraordinário estivesse prestes a acontecer. Sempre prestes. E está." 

 - Gabriela Castro

domingo, 9 de dezembro de 2012

sábado, 8 de dezembro de 2012

"E quando a tempestade tiver passado, mal te lembrarás de ter conseguido atravessá-la, de ter conseguido sobreviver. Nem sequer terás a certeza de a tormenta ter realmente chegado ao fim. Mas uma coisa é certa. Quando saíres da tempestade já não serás a mesma pessoa. 
Só assim as tempestades fazem sentido." 

Haruki Murakami


sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

"O mundo e as pessoas mudam muito rápido.
Hoje quem você ama está aqui,amanhã pode não estar.
Hoje você tem um emprego,amanhã pode não ter. 
Hoje você dormiu com a frase entalada na garganta,amanhã o dia nasce de outro jeito,com outra cara e a frase pode ficar perdida no meio do nada. 
Ou pode ser tarde demais." 

 - Clarissa Corrêa

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

“Acho que está faltando um pouco de verdade nesse mundo. Falta fé. Falta você acreditar que pode agradar o outro sendo quem é. Sem ter que fazer mágica, já que a mágica está em poder viver bem consigo mesmo. E só.” 

 — Clarissa Correa


quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

"Pessoas vão embora de todas as formas: vão embora da nossa vida, do nosso coração, do nosso abraço, da nossa amizade, da nossa admiração, do nosso país. E, muitas a quem dedicamos um profundo amor, morrem. E continuam imortais dentro da gente. A vida segue: doendo, rasgando, enchendo de saudade… Depois nos dá aceitação, ameniza a falta trazendo apenas a lembrança que não machuca mais: uma frase engraçada, uma filosofia de vida, um jeito tão característico, aquela peculiaridade da pessoa. Mas pessoas vão embora. As coisas acabam. Relações se esvaem, paixonites escorrem pelo ralo, adeuses começam a fazer sentido. E se a gente sente com estas idas e também vindas, é porque estamos vivos. Cuidemos deste agora. Muitos já se foram para nos ensinar que a vida é só um bocado de momento que pode durar cem anos ou cinco minutos. E não importa quanto tempo você teve para amar alguém, mas o amor que você investiu durante aquele tempo. Segundos podem ser eternidades… ou não. Depende da ocasião." 

 — Marla de Queiroz


terça-feira, 4 de dezembro de 2012

"Mas, no final do dia, todas aquelas coisas vão vir a tona. E por mais que eu tente fugir, é meio que impossível não pensar em tudo que eu deixei para trás, em tudo que nós sempre deixamos para trás. A vida é um acúmulo de lembranças, e o pior de tudo, é que nós não estamos preparados para revive-las."

- Via Orquestrando

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

"O futuro não é um lugar aonde estamos indo
Mas um lugar que estamos criando. 
O caminho para ele não é encontrado 
Mas construído 
E o ato de fazê-lo, muda tanto o realizador quanto o seu destino." 

 - Antoine Saint-Exupéry


domingo, 2 de dezembro de 2012

"Sofremos pelo que não temos, e muitas vezes, pelo que acreditamos que era nosso, e na verdade, nunca foi. 
 Sofremos, pela incerteza do amanhã que não nos pertence, mas que tentamos controlar. 
Sofremos pelas amizades e afinidades que tentamos dominar, possuir sem medidas, e que se afastam de nós. 
Sofremos pela doença que podemos ter, pela gripe que pode virar bronquite, e nos abatemos. 
Sofremos pelo medo do imponderável, pelo que não podemos medir, que não vemos, mas às vezes, podemos ouvir, e nos trancamos. 
Sofremos pelas nossas faltas, e nos abatemos com as dificuldades que criamos, e estagnamos. 
Por isso, as notas que não tiramos, as provas em que não passamos, os amores que não vivemos, o abraço que perdemos, os cadernos amarelados, os cheiros da infância, a velha chupeta guardada ou perdida, são doces lembranças, mas até nelas, sofremos. 
Sofremos, porque não queremos nada simples, nem simplesmente viver, nem simplesmente amar. 
Temos medo de nos entregarmos definitivamente ao amor, medo de sofrer uma dor maior, por isso, sofremos, até pelo que não sabemos. E hoje, sabendo que o sofrer é uma antecipação da dor que nem sempre viveremos, vou procurar conquistar aquilo que realmente me cabe. E, se a dor me visitar, vai me encontrar mais forte, porque tenho a exata medida de tudo o que já passei, e sou o fruto maduro dessa árvore chamada vida." 

 Paulo Roberto Gaefke


sábado, 1 de dezembro de 2012

“Não podemos exigir que os outros sejam como queremos, pois nem nós somos”. 
 Lao-Tsé