Total de visualizações de página

quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Outro livrinho da Série Terapia, que desta vez trata foi processo de adaptação após uma separação amorosa.
Vive-se um luto, uma vez que o sofrimento é uma reação universal à perda de um vínculo.

💔"O divórcio nunca é fácil e talvez seja esta a razão pela qual muitas pessoas que passaram por ele o comparam à morte. E é uma espécie de morte - o fim das esperanças, o fim dos sonhos, às vezes o fim do próprio amor".

💔"Sinta tristeza. A experiência da perda não está limitada à morte física. Você está enfrentando a morte dos sonhos que outrora você manteve carinhosamente. Respeite esse fato é lamente-se pela perda".

💔"Não se considere um 'fracasso'. Os sentimentos de sofrimento e perda não significam que você 'fracassou'. Pelo contrário, você escolheu amar, dia após dia e através dos anos - e aquele que escolhe amar não é um fracassado".

💔"Mantenha seus filhos fora da confusão. Independentemente de suas idades, seus filhos estão experimentando também um período especialmente doloroso. Não aumente suas dores e confusões tentando influenciar suas afeições ou lealdade".

💔"Abençoe todas as lembranças de sua vida de casado - o bom e o ruim. Tudo o que você tem atravessado durante os anos contém a sabedoria para a vida que você quer construir no futuro".

💔"Ajude a mudança. Não veja a mudança como uma ameaça - apenas através dos ciclos da mudança um novo crescimento pode ser percebido".

💔"Ritualize a remoção de momentos especiais de sua vida. Mesmo que você não queira guardar coisas como seu anel de casamento, fotos significantes ou outras memórias, pense cuidadosamente no que fazer com elas. Esses itens foram importantes para você em certo tempo; o que você fizer com eles agora deverá respeitar o valor que eles representaram outrora".

quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

"Nunca se é velho demais para estabelecer um novo objetivo ou ter um novo sonho".

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

F.E.L.I.C.I.D.A.D.E.

Fale menos,
Escute mais,
Leia bons livros,
Imite boas ações,
Cultive o otimismo,
Ilumine a escuridão,
Deseje o bem para todos,
Alegre-se com o êxito dos outros,
Dê o melhor de si,
Evite os excessos.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Cantinho do carinho

De 2006 a 2011, o programa Supernanny (série original inglesa), exibido no Brasil pelo SBT, gerou polêmicas mas também teve muita audiência. Entre as propostas de foi Poli, pedagoga, o "Cantinho da disciplina" foi um dos temas mais discutidos.


Esse é um procedimento para corrigir o comportamento errado e ensinar o certo. O método tem começo, meio e fim e é aplicado com base em regras simples, claras e concretas que são estabelecidas pelos pais ou educadores em geral. Elas devem ser relacionadas às características e necessidades de cada criança e definidas com a intenção de ajudá-la na formação do seu caráter. Os pais mostram ao filho as regras, explicam e fazem um combinado de obediência. Se ele desobedece, o pai ou a mãe faz uma advertência. Se a desobediência se repete em um período de 24 horas, a criança é levada ao cantinho da disciplina: lugar destinado a isso, como um tapetinho, cadeirinha ou simplesmente um espaço determinado em qualquer parte da casa. Só não vale no quarto do pequeno, já que esse é lugar de dormir ou brincar e não deve ser associado à disciplina. A criança fica sentada ali um minuto por ano de idade – o suficiente para que ela possa aprender a refletir sobre seu comportamento. Depois desse tempo, o pai ou a mãe se aproximam e perguntam ao filho se sabe por que foi colocado ali. Geralmente ele sabe. Então, ele pede desculpas e os pais o abraçam, beijam e dão muitas manifestações de amor. Esse método dá certo porque o  pequeno precisa de limites, que são aqui colocados com carinho, perseverança e convicção. Não é castigo e não deixa marcas negativas. Aproxima os filhos dos pais porque a criança percebe o amor e a dedicação no processo de educação".

Lendo o livro "Autocompaixão", de Kristin Neff (Lúcida Letra, 2017), encontrei a ideia do "Cantinho do carinho". Neff propõe o oposto do método controverso do cantinho da disciplina.

"Antes de iniciar a prática do canto do carinho, certifique-se de que você está calmo o suficiente para ser sensível às necessidades do seu filho e ajudá-lo a ganhar segurança. Se precisar acalmar suas próprias emoções primeiro, tente enviar a compaixão a si por suas emoções difíceis ou respirar profunda e conscientemente algumas vezes. Você pode dizer a seu filho que precisa de dez segundos sozinho para se acalmar - mas se certifique de voltar quando disse que o que faria.

  • Escolha um local específico para o canto do carinho. É melhor que seja um local neutro, como uma cadeira ou almofada que possa ser colocada em qualquer lugar para não perturbar os outros membros da família.
  • Este é o lugar onde você e seu filho podem se sentar juntos para observar as mudanças de sentimento.
  • Convide seu filho para o canto do carinho. Se ele estiver emocionalmente fora de controle e apresentar perigo para os outros, talvez precise de ajuda para chegar lá.
  • Mantenha o tom de voz firme, reconfortante e gentil.
  • Observe seu filho de perto. Repare em seu comportamento. Tente adivinhar o significado e os sentimentos por trás da sua atitude. O que realmente está acontecendo?
  • O canto do carinho permite que o sentimento de seu filho possa 'ser sentido' e aceito. Ele mostra que você está disposto a ajudar seu filho, e que seu amor significa estar receptivo para aceitar as emoções da criança, mesmo as mais difíceis.
  • Mantenha-se responsável de forma simpática e conectada. Seja presente e sensível. Isso tem um efeito calmante sobre as crianças.
  • Pode levar algum tempo para que seu filho se acalme se ele estiver sobrecarregado pelas emoções.
  • Quando a criança estiver calma o suficiente, ajude-a a descrever seus sentimentos. Você pode dizer: 'Parece que você está lutando com isso' ou "Isso parece difícil. Você está com raiva ou com medo/triste?'
  • Aguarde a resposta. Escute bem. Valide e aceite o que seu filho disser (ou o seu silêncio).
  • Em seguida, fale sobre seus sentimentos. Use frases como: 'Quando você fez (tal coisa), senti (nome da emoção) surgindo em mim'. Não espere um pedido de desculpas, apenas comunique seus sentimentos naturalmente e sem tom de acusação.
  • Quando seu filho estiver conectado e calmo o suficiente, ajude-o a encontrar outra atividade para mudar o seu humor ou simplesmente vá em frente com os planos normais para o dia (hora de dormir, de ir para a escola, de comer, etc)".





domingo, 27 de janeiro de 2019

"Somos mais que corpo e ansiedade. Somos mistério, o que nos torna maiores do que pensamos ser - maiores do que os nossos medos".
- Lya Luft

sábado, 26 de janeiro de 2019

Tema que tem despertado meu interesse, a autocompaixão propõe uma conexão profunda e gentil conosco.

🌺"Quantos de nós nos sentimos realmente bem nesta sociedade extremamente competitiva? Sentir-se bem parece uma coisa fugaz. Especialmente porque, para nos sentirmos merecedores, precisamos nos sentir especiais e acima da média. Qualquer coisa menor soa como fracasso"(p. 12).

🌺"Devemos nos tratar com a mesma bondade, carinho e compaixão que dedicamos a um bom amigo ou mesmo a um estranho. Não há quase ninguém a quem tratemos tão mal quanto a nós mesmos"(p. 15).

🌺"O amor, a conexão e a aceitação são os seus primeiros direitos ao nascer. Para reclamá-los, você só precisa olhar para dentro de si"(p. 25).

🌺"Na esperança de conseguir moldar seus filhos, pais críticos fazem o jogo duplo de bom e mau policial: são maus quando punem comportamentos indesejáveis e bons quando recompensam comportamentos desejáveis. Diante desta abordagem, as crianças sentem medo e desconfiança, e passam a acreditar que apenas sendo perfeitos é que serão dignos de amor. Como a perfeição é impossível, elas logo assimilam a inevitabilidade da rejeição"(p. 33).

🌺"Há três portas de entrada distintas para a autocompaixão: Seja bondoso e cuidadoso consigo mesmo; lembre-se de que encontrar a dor é parte da experiência humana compartilhada; e mantenha seus pensamentos e emoções na sua consciência" (p. 106).

🌺"Quando o nosso senso de autoestima resulta de sermos um ser humano intrinsecamente digno de respeito, em vez de ser contingente na obtenção de certos ideais, nossa autoestima é mais resiliente" (p. 157).

🌺"Para construir a relação íntima e conectada que você almeja ter, é necessário, primeiro, sentir-se próximo e conectado a si mesmo" (p. 227).

🌺"A autoestima tende a basear-se na separação e na comparação, em ser melhor que os outros, e, portanto, especial. A autoapreciação, ao contrário, baseia-se na conexão. É quando vemos nossas semelhanças com os outros, reconhecendo que todos têm seus pontos fortes [...] A valorização envolve reconhecer a luz em todos, incluindo em nós mesmos" (p. 270).

Com exercícios e escala de autocompaixão, uma leitura interessante.



sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

"Depois do tanto que já foi dito ...
De todo peso, excesso, ruído ...
Nasce uma ponta de esperança ...
Um novo dia, uma nova página, uma nova dança ..."

quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

"As coisas só vão dar certo quando o 'nós' for mais importante que o eu".

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

terça-feira, 22 de janeiro de 2019

Perder-se dos outros


Por Diego Engenho Novo – Escritor e publicitário

Quando eu era pequeno, minha mãe sempre dizia – Não se perca de mim! – e eu nunca entendi o que ela queria dizer. Pensava que ela queria evitar que eu sumisse na multidão e tivesse que ser chamado pelo microfone atrás do palco, ou ainda que eu me afastasse um pouco e fosse criado por uma família de ciganos.

Minha avó dizia algo sobre isto, sobre ser criado por uma família de ciganos e isso também me encantava internamente.

Mais velhos, nós descobrimos que quando uma pessoa se perde, pode ser assustador, mas que mais pavoroso é a sensação de duas pessoas que se perdem, não na rua, ou no shopping, mas na vida.

Dói, mas faz parte do amadurecer: limpar as folhas secas, que hoje só lembram vida, para que a vida real brote em nós. Todos os grandes sábios disseram isso. Sabedoria é a elegância nata diante da dor.

E assim doeu quando percebi que nem todos que nos amam nos fazem bem. E também doeu quando percebi que o ego pode matar a amizade. E doeu ainda mais quando senti que estava perdendo, por entre os dedos, gente que já amei e para quem me dediquei com toda a vontade e fé.

E a vida vai nos desmontando, remodelando, nos completando de alguma coisa, como uma criança criando formas na areia. Já amamos pessoas que não sentem mais a nossa falta, que não nos dirigem mais a voz, que não se dizem mais nossos.

Eu ando balançando o galho. Sem essa de nos prendermos às migalhas de relações falidas ou injustas, desde o princípio. Apagar, a gente não apaga ninguém. No máximo, afasta-se a imagem, a lembrança rotineira de alguém com quem já dividimos amor, amizade, vida.

Crescer dói, seja aqui, aí, ou numa família de ciganos.



https://www.facebook.com/orgone.psicologia/posts/2066577030055485?__tn__=H-R&eid=ARBu6JjIfVqQ1dXyEX5QyfLV7fJb2cqmGogk669gV_fPX4mAadpiYL5_U1Y04DmL2VYrct0Yk1sxmaQM&__xts__[0]=68.ARAhOi_pzdPz8ZhHfmP62eqRxi9bS3NMjMKS0OHIR5JqR_aPdRjVvyqtaTqXRubBDveD5mqoPKvvmmnwVo4n5TmmRatOfsJvhYMy5vwFbnnPUzGfcd6oC-Rq1RlN33Y9eGNhT_v34BqPz9sR0kOU_2V48ZUuX8j_CgsMX2g4fm6uFm0l8235kupd4aTwYUPtofqBfib3FfQ6VeIdWHQ7yHG_Arjjq_wcpt8fWOtuH8qlPpwvrZ97jyREDd_5EoBthS

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

"Você, você mesmo, tanto quanto qualquer um no universo inteiro,
merece seu amor e afeição".
- Buda

domingo, 20 de janeiro de 2019

💚"O diagnóstico de câncer toca em cada parte do seu corpo. Como uma pedra na água, o câncer agita a sua vida e a de todos os que estão ao seu redor. Você sente sensações e novos medos. Vê uma estrada longa e incerta. [...] Que este livro ajude você a enfrentar o câncer com confiança, esperança e amor".

💚"A verdadeira coragem não é não sentir medo. É não permitir que os medos dominem você. É normal sentir medo enquanto enfrentar a doença. Você encontrará a coragem para fazer o que precisa ser feito".

💚"Câncer pode nos deixar sem esperança, como se a vida não tivesse mais sentido. Mas a sua vida continua plena. Seus amigos e familiares, sua fé em Deus, mesmo a luta contra a doença, apontam muitos caminhos para você encontrar significado para a vida".

💚"O tratamento do câncer evoluiu muito. Tenha esperança, pois você pode se recuperar e ter uma vida normal de novo".

💚"Enfrentar o câncer ou qualquer outro perigo na vida muda suas prioridades. Concentre-se nas pessoas e nas coisas que são realmente importantes em sua vida".

💚"Seja bom consigo mesmo. Faça coisas saudáveis. Relaxe e tente reduzir o estresse. Conserve as suas energias".

💚"Deus ama você, não importa o que aconteça. Muitas outras pessoas também o amam. Acolha esse amor e dê amor a todos os que você encontrar. O amor nos revela por completo".


sábado, 19 de janeiro de 2019


Regras da vida: Como ser uma pessoa muito especial
1. Faça um elogio sincero por dia.
2. Agradeça quem faz sua vida mais fácil.
3. Ofereça ajuda sem que te peçam.
4. Procure qualidades antes de defeitos.
5. Divida o que você sabe.
6. Coloque-se no lugar do outro.
7. Quando vir alguém sem sorriso, doe o seu. 

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

"Exercício diário: Se eu quero ser amado pelo que sou, eu devo estar disposto a amar 
a todos os outros como eles são" - Louise Hay

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

"E chega um momento que você percebe que já fez muito por algo, ou por alguém e que a única possibilidade é parar. Deixar pra trás. Abandonar. Existe uma linha que separa determinação e desespero. O que é verdadeiramente seu, acabará sendo.
O que não é, não importa o quanto você tente, nunca será".
- Autor desconhecido.   

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

"Há uma pergunta famosa que aparece em quase todo livro de autoajuda já escrito:
o que você faria se soubesse que não pode fracassar?
Mas sempre enxerguei as coisas de outra maneira.
Acho que a pergunta mais corajosa de todas é esta: o que você faria mesmo que soubesse que é bem possível que venha a fracassar?
O que você ama tanto fazer que as palavras fracasso e sucesso essencialmente
se tornam irrelevantes?
O que você ama até mais do que seu próprio ego?
Quão inabalável é a sua confiança nesse amor?"

- Elizabeth Gilbert em "Grande magia: vida criativa sem medo" (p. 177).





segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

"Sem paciência para lidar com coisas e pessoas que façam perder tempo.
Desapegar é libertador.
Fica quem merece estar por perto. Sem ressentimentos".

domingo, 13 de janeiro de 2019

"Ame-se o suficiente para dar conta de seguir em frente quando te deixarem para trás".

sábado, 12 de janeiro de 2019

"Deixe que as pessoas tenham suas opiniões. [...]
Mas nunca se iluda a ponto de acreditar que precisa da benção
(ou mesmo da compreensão) de alguém para fazer o próprio trabalho criativo.
E lembre-se sempre de que os julgamentos que as pessoas fazem de você
não são da sua conta. Finalmente, lembre-se do que W.C.Fields tinha a dizer
a respeito disso: 'O importante não é como os outros o chamam,
mas sim os nomes a que você responde' ".

- Elizabeth Gilbert em "Grande magia - vida criativa sem medo" (p. 88).





sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

"Às vezes os milagres são apenas pessoas boas com corações gentis".

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

"Adoro contemplar o horizonte e imaginar as possibilidades"

terça-feira, 8 de janeiro de 2019


"Estou à procura de um livro para ler. É um livro todo especial. 
Eu o imagino como a um rosto sem traços. Não lhe sei o nome nem o autor. 
Quem sabe, às vezes penso que estou à procura de um livro 
que eu mesma escreveria. Não sei. Mas faço tantas fantasias a respeito desse livro desconhecido e já tão profundamente amado. 
Uma das fantasias é assim. Eu o estaria lendo e de súbito, uma frase lida, 
com lágrimas nos olhos diria em êxtase de dor e de enfim libertação: 
Mas é que eu não sabia que se pode tudo, meu Deus!" 

- Clarice Lispector






segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

"A única pessoa que estará com você por toda vida é você mesmo. Ame-se".

domingo, 6 de janeiro de 2019

"Em terapia, a cura não significa que a ferida deixou de existir,
significa que ela não controla mais a sua vida".

sábado, 5 de janeiro de 2019

"Nem todos que estão à sua volta estão torcendo pela sua felicidade.
Compreenda isso e guarde seus desejos.
Seus sonhos não precisam de plateia, eles só precisam de você".

- Siga os balões

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

"Chega de 'amanhã eu faço'.
Chega de 'amanhã não posso'.
Chega de 'estou muito cansado'.
Chega de 'é muito difícil'.
Chega de 'eu faria se ...'
Chega de 'não sou tão bom'."
- By Nina

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

"Sou um sonhador; a minha vida real é tão reduzida que momentos como estes que agora vivo são para mim de tal modo preciosos que não poderei evitar de os reproduzir nos meus sonhos. Sonharei consigo toda a noite, toda a semana, todo o ano".

- Dostoievski em "Noites brancas"(p. 17-18).





quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

"Gaste a tua energia com o que te ilumina"

terça-feira, 1 de janeiro de 2019


"Sofremos menos quando deixamos a pretensão de ter o controle da vida.
O mistério dos dias não se dobra à lógica  das somas e subtrações.
Nem tudo pode ser previsto e calculado.
O que nos cabe é viver, buscar a disposição diária de alcançar
o melhor que podemos ser.
E pelo que restar do vivido, agradecer.
Porque a gratidão é o divino movimento que nos faz novos de novo."

- Padre Fábio de Melo