Total de visualizações de página

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Das coisas maravilhosas que a iluminada Monja Coen falou ontem na Jornada "Morte e Espiritualidade" acerca da visão do budismo sobre a morte, me marcou a diferença entre:
- Nossa postura mais comum quando perdemos um ente querido, um comportamento egóico que diz: "Eu não posso aceitar que estou perdendo você";
- E uma compreensão desapegada, de acordo com os princípios budistas, que diz: "Vá para a luz, aonde você estiver meu bem-querer continua com você" ...
Que linda (e difícil) lição.



Nenhum comentário:

Postar um comentário