Total de visualizações de página

quinta-feira, 15 de março de 2012

Decida!


"Seja em relógios, em caixinhas de música, no movimento das galáxias ou na sua vida, as regras são exatamente as mesmas. Pequenas alavancas, pequenas engrenagens, pequenas forças, todas unidas, fazem girar todo o nosso Universo e, em grande parte, fazem surgir nosso destino.

Muitas engrenagens podem criar pequenos movimentos positivos que, com o tempo, se tornam enormes. Um olhar, entre dois enamorados, pode ser uma pequena engrenagem positiva que mudará destinos e futuros; um livro, pode ser uma pequena engrenagem positiva que abrirá portas ilimitadas; um sorriso verdadeiro, pode ser uma pequena engrenagem positiva que mudará o dia e a vida de pessoas que você nem mesmo sabe que existem;

Por outro lado, muitas engrenagens podem criar pequenos movimentos negativos. Álcool, drogas e violência sempre começam como pequenas engrenagens (ironicamente, aceitas socialmente) e crescem, ao ponto de transformarem vidas. Para pior, muito pior.

Coloque em movimento as engrenagens que potencializarão seu sucesso e sua felicidade. O importante, realmente, é começar. É colocar as pequenas engrenagens para funcionar na direção certa. AGORA. Uma decisão tem o poder de iniciar o movimento do Universo a seu favor.

Decida estar ao lado da pessoa certa na sua vida; decida ser a pessoa certa de se estar ao lado; decida desligar a televisão e ler algo que possa chacoalhar sua mente; decida fazer o curso, ou o workshop, que tornará você mais capaz, mais hábil, mais completo como pessoa ou como profissional; decida não entrar no jogo dos perdedores, dos maria-vai-com-as-outras, dos que não entendem como funciona a natureza. Decida mandar na sua vida e no seu destino.

Decida o que você diz para as outras pessoas; decida o silêncio; decida o que você come; decida o que você bebe; decida o que você vê; decida o que você pensa; decida rapidamente e, se as engrenagens erradas estiverem rodando, decida mudar imediatamente. Não fique parado. Como disse o maestro Herbert von Karajan, “Quem decide pode errar. Quem não decide, já errou.”

Decida. Por menor que seja a decisão. Decida e vá corrigindo curso de sua vida, com base em suas decisões e nos resultados que forem surgindo. Quem decide pode errar. Quem não decide, já errou.

- Aldo Novak

Nenhum comentário:

Postar um comentário